sábado, outubro 06, 2007

Lua Cheia


Fotos de O.C.

Cromeleque dos Almendres

Alentejo

27.Agosto.2007

Meia-Noite

5 comentários:

Restaurante " O FIALHO" disse...

The road to hell is paved with adverbs.

Stephen King

PS : Cuidado, porque no alentejo os advérbios podem ser encontrados a dormir nas estelas mamoas em noites de lua cheia !!!

A alegada "caguinchas" disse...

O Alentejo deve ser, provavelmente, a região mais curiosa que visitei nos últimos tempos. Não tenho recordação de viver tanta emoção, num tão curto espaço de tempo e das formas mais absurdas possíveis, senão no Alentejo.
Ora bem, aqui nos encontrávamos nós (sendo que o "aqui" significa junto ao cromeleque), "cavaleiros a motor", depois de um longo e sinuoso percurso, a admirar a chegada da meia-noite sob um luar absolutamente fantástico e imaginando que as nossas "agruras alentejanas" já teriam, finalmente, terminado. Ah! Como nos enganámos! O Alentejo ainda nos reservava muitas surpresas!
Corajosa e aventureira como sou, olhei para o cromeleque e enfiei-me no carro, pois a vista pelo pára-brisas era bem mais abrangente e a sujidade do vidro dava um ar mais sobrenatural a toda aquela paisagem. (Não vale a pena pensarem que tive medo, porque nego categoricamente! Estar a kms da povoação mais próxima e não ver vivalma em redor nunca me causou receio algum!)
Os meus companheiros de infortúnio(s) aventuravam-se cromeleque adentro e eu tive uma ideia absolutamente brilhante: vou tramá-los!
Tranquei as portas e decidi pirar-me com o carro. Mas, ó sorte malvada, tive que os socorrer imediatamente! Ao lado da estela mamoa jazia um amante da Mãe Natureza envolto num saco-cama que, àquela luz e sem dar qualquer sinal de vida, mais parecia um cadáver. Os meus companheiros só pretendiam que eu lhe apontasse os faróis para ver se ele acordava (o que, de facto, aconteceu mas, mesmo assim, só quando levou com os máximos no meio dos olhos) e se conseguiriam chegar à fala com ele.
Mas, corajosa e aventureira como sou e uma vez que já estava ao volante, pirei-me a grande velocidade dali assim que vi o eremita da estela mamoa mexer-se!
Escusado será dizer que fui insultada durante todo o percurso por, alegadamente, ser tão "maricas"... Ainda tentei explicar-lhes que os rituais se iniciam à meia-noite e que não devíamos incomodar mas de nada serviu. Ainda hoje acham que tive medo! Um disparate!
Se ainda, ao menos as nossas aventuras alentejanas tivessem acabado por aí... mas isso fica para outro post.


O Culto da Natureza
"Majoritariamente (principalmente as ramificações germânicas e célticas), os troncos religiosos pagãos (em maioria europeus) mostram-se lineares quanto a algumas características:

Por sua raíz paleolítica, dos tempos de grupos nômades de caçadores-coletores, a principal característica é, sem dúvida, uma forte ligação à terra, à natureza, tida como sagrada e viva.
Por sua origem matrifocal, há um sentimento bem claro de corresponsabilidade entre todos os membros da comunidade, ligados por laços de parentesco a uma Ancestral comum - a Grande Mãe.
Esse sentimento de ancestralidade é partilhado também com a Natureza e particularmente com os seres-vivos, levando a um fundamental respeito a todas as formas de vida e existência.
Por isso, a cultura pagã tem uma relação mágica com a natureza, o que inclui a sexualidade.
Noção cíclica do tempo, a partir da ciclicidade dos fenômentos naturais (estações, lunação, movimentos do sol, etc), em contraste à noção linear das culturas de matriz abrâmica...
... e o consequente sentimento de profunda responsabilidade e parceria com a Natureza, tornando os humanos corresponsáveis pela continuidade do círculo.
O que, por outro lado, também leva a um profundo respeito pelos antepassados, que sacrificaram sua vida para que a comunidade continue a existir; o que inclui um certo tradicionalismo na produção econômica e nos costumes sociais.
Organização social baseada na partilha e na fraternidade.
Organização politica matrifocal, onde a rainha e/ou a sacerdotisa é uma função permanente e hereditária, que confere, por associação, legitimidade ao rei.
Desenvolvimento de uma medicina natural, baseada nas qualidades curativas das ervas, e xamânica, baseada no poder fértil da Natureza e na relação mágica com a realidade." in Wikipédia

Anónimo disse...

Que linda lua cheia! Tão linda! tão linda como o sol! como a terra! como o mar! como ...
Bem chega...
Estava bonita a lua naquele dia .
Ma so k dá mais interesse à imagem é o cromeleque! Estou a imaginar a imagem sem cromeleque! Uma desgraça....UMa desgraça!!

Anónimo disse...

Esquecime de assinar:

BICAS
lol

TV Digital disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the TV Digital, I hope you enjoy. The address is http://tv-digital-brasil.blogspot.com. A hug.